Você está aqui Angola Cultura  

Drama das crianças vítimas da guerra em livro

Terça, 06 Junho 2017  vanda de carvalho

Editado pela Fundação AIS, o livro “A Árvore de Mouna”, da escritora Maria Teresa Maia Gonzalez, com ilustrações de Isabel Monteiro, aborda a questão das crianças vítimas da guerra e que foram forçadas, por isso, a abandonar o seu país. 

Mouna, uma menina síria que vivia em Alepo, cidade martirizada pela guerra civil que dura já há sete anos, é a protagonista desta obra.

Tal como muitas outras crianças, também Mouna e a sua família foram forçados a deixar a casa onde sempre viveram por causa da violência dos combates. 

Neste livro, a premiada autora conta, através da voz desta criança, o drama terrível de quem teve de fugir para salvar a própria vida. 

“Um dia, todos tivemos de sair de casa por causa da guerra… Lembro-me de que, nesse dia, estava sentada no meu baloiço a brincar quando vi o meu pai chegar e dizer que tínhamos de sair muito depressa, por causa da guerra…”

Este livro, cujas receitas a autora de “A Lua de Joana” oferece à Fundação AIS, é também uma manifestação do carinho e apreço que Maria Teresa Maia Gonzalez tem pela missão da Igreja junto dos cristãos perseguidos, nomeadamente em Alepo, na Síria.

Além deste livro, a autora já publicou com a Fundação AIS três outras obras: “Foi por Amor”; “Teu nome, Mãe”; e “Os Sonhos de José”.